A cidade está coberta de cartazes: show do NXZero! Breve!
O que me chama atenção é o detalhe: liberado para menores de 18 anos.
Realmente, a banda em questão faz rock para crianças: mais imagem, menos pegada e energia mal direcionada. Se me colocarem na frente as bandas Fresno e NXZEro, não saberia distinguir. Aliás o rock de hoje é meio assim mesmo: tudo muito parecido. Qual é a diferença entre Detonautas e CPM22? O rock de hoje é o triunfo da rebeldia a la Charles Brown Jr. Muita cara de mau e letras de pagode dor de cotovelo. Uma coisa fraquinha…

Saudades do tempo em que o rock era coisa de macho!